No meio do caminho tinha uma pedra

“No meio do caminho tinha uma pedra” é um verso do poema “No meio do caminho” de Carlos Drummond de Andrade (31/10/1902 – 17/08/1987). A pedra significa os obstáculos que enfrentamos no nosso caminho. Recentemente enfrentei uma pedra no meu Continue lendo No meio do caminho tinha uma pedra

Dez anos longe do sedentarismo

No dia 18 de setembro de 2011 resolvi fazer uma caminhada nas ruas próximas da minha casa. Defini como tempo uma hora por dia. No primeiro dia percorri a distância de 6,84 km. No dia seguinte caminhei em um ritmo Continue lendo Dez anos longe do sedentarismo