#TBT AGOSTO/2019

#TBT AGOSTO/2019

Em 2019 o mês de agosto foi marcado por quatro corridas: uma meia maratona, uma de 10 km e duas de 5 km.

04/08 – MEIA MARATONA UNINTER

O primeiro domingo de agosto é significativo pois marca o meu aniversário no mundo das corridas de rua.

A largada foi antecipada para às seis horas, portanto antes do dia amanhecer. A temperatura de 2ºC indicava que enfrentaria uma corrida difícil.

O objetivo era completar o percurso em menos de três horas, também conhecido como SUB3. Conhecendo as características do percurso eu sabia das muitas dificuldades ao longo dos vinte e um quilômetros.

Sendo assim procurei manter um ritmo confortável e segui tranquilo administrando o tempo. Dividi o percurso em três parte de sete quilômetros.

Completei a primeira parte em 57:00, o tempo projetado era de 59:58. Fui em frente e acelerava um pouco nas descidas.

Cheguei na marca dos quatorze quilômetros com o tempo de 1:58:01 enquanto o projetado era de 1:59:56. Portanto considerando dois terços da prova completados o tempo SUB 3 era viável.

Ao chegar na placa que marcava os 17 km o meu tempo era de 2:24:54, bem perto do tempo projetado de 2:25:38. A partir de então o meu ritmo passou a ficar muito lento e ao chegar na placa dos 18 km o meu tempo estava acima do projetado.

Faltando três quilômetros para o final mudei a minha estratégia. Cruzar a linha de chegada antes de três horas não era mais prioridade. O mais importante era terminar bem.

Ao completar os vinte quilômetros senti uma dor na panturrilha esquerda. Fiz uma breve parada, alonguei um pouco, respirei fundo e segui bem lento no último quilômetro.

Mesmo percebendo que a dor tinha passado preferi continuar em um ritmo lento, pois temia que a dor voltasse mais perto do final.

Cruzei a linha de chegada com 03:06. Fiquei contente com o resultado diante de todas as dificuldades enfrentadas.

Antes, durante e depois da corrida tive a oportunidade de receber muita energia positiva de várias pessoas.

Recebi muito cumprimentos pelos meus sete anos no mundo das corridas de rua.

 

11/08 – 23ª CORRIDA CORONEL SARMENTO

O Coronel Joaquim Antônio de Moraes Sarmento é o patrono da Polícia Militar do Estado do Paraná.

A prova teve como local de largada e chegada o Quartel General da PM e contou com a participação de cerca de quatro mil corredores.

No pátio do quartel estavam expostos alguns veículos utilizados pela corporação além de cães do Corpo de Bombeiros.

Às sete horas iniciaram as provas de cinco e de dez quilômetros. Conhecendo as características do percurso de 5 KM larguei com tranquilidade e logo fui procurando espaço para realizar ultrapassagens.

Enfrentei algumas dificuldades para ultrapassar, mas consegui manter um bom ritmo de corrida. Em seguida reduzi um pouco o ritmo até completar quatro quilômetros.

Ao entrar no último quilômetro acelerei as minhas passadas. Acompanhei a minha frequência cardíaca e a distância que faltava para o final.

Para a minha surpresa quando me aproximei da linha de chegada o locutor gritou “Ayrton, Ayrton, Ayrton Senna do Brasil!!!”. Fiquei muito contente, pois naquele momento estava ouvindo nos meus fones o Tema da Vitória.

Sem dúvida foi o momento mais emocionante da prova e fiquei muito contente com a homenagem.

 

18/08 – 3ª ETAPA SMELJ

O Circuito Adulto de Corrida de Rua da Prefeitura de Curitiba é organizado pela SMELJ – Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude.

A terceira etapa foi realizada em um local diferente daqueles onde estou acostumado a correr. Portanto, as características do percurso eram um grande desafio.

Mesmo não conhecendo o percurso procurei manter um ritmo abaixo de 7:20/KM. Cheguei na marca de 5 KM com o tempo de 36:35. Se mantido o ritmo médio completaria prova com um tempo em torno de 1:13.

No entanto, por causa das subidas a partir do km 6 preferi reduzir o meu ritmo. A partir de então o objetivo era terminar com um tempo de 1:20.

Fui controlando o tempo e alternando o trote com a corrida. Comecei a acelerar as minhas passadas quando faltavam trezentos metros.

Cruzei a linha de chegada com o tempo de 1:20:24 e uma velocidade de 19,6 KM/H. Fiquei muito contente por ter concluído mais uma corrida.

 

24/08 – PUC NIGHT RUN

Para encerrar o mês participei da corrida noturna promovida pela PUC PR para comemorar os seus 60 anos de fundação.

O percurso das provas de 5 e de 10 km foi nas ruas próximas do campus da PUC. Por se tratar de uma corrida noturna não planejei o tempo para concluir os cinco quilômetros.

Larguei com muito cuidado mas desde o início procurei fazer ultrapassagens para conseguir manter um bom ritmo de corrida.

Com a lanterna eu tinha cerca de dois metros bem iluminados na minha frente. Isto com certeza me ajudou bastante.

Aliviei um pouco o ritmo no segundo quilômetro e logo em seguida comecei a acelerar as minhas passadas.

Completei o percurso no tempo de 36:33 que para a minha surpresa foi o meu melhor tempo em corridas noturnas.

Fiquei muito contente com o resultado alcançado afinal de contas não costumo de participar de corridas noturnas. Em sete anos de corrida de rua esta foi a minha sétima prova noturna.

Norman Bitner

Nascido em Curitiba - PR. Administrador, bancário, atleticano, corredor de rua, canhoto.