1ª Corrida do Fogo

Em comemoração ao 104º aniversário do Corpo de Bombeiros do Paraná aconteceu em Curitiba a 1ª Corrida do Fogo com provas de 5 e 10 KM.

Alguns dias antes da prova procurei analisar o percurso principalmente em relação ao trechos de subida. Notei que o ponto mais alto estava localizado próximo da marca de 7 KM. A partir dali poderia acelerar até o final.

No entanto eu sabia que não seria fácil melhorar o meu tempo de 1 hora, 13 minutos e 43 segundos.  A largada seria única, isto é, os corredores de cinco e dez quilômetros largariam juntos e percorreriam o mesmo percurso por pouco mais de 2 KM.

No início da prova foi muito importante manter a calma para não me envolver em confusões. Demorei um pouco para encontrar uma posição em que tivesse condições de correr num bom ritmo. Sendo assim, completei o primeiro quilômetro e 6 min 35 seg.

Segui procurando espaço para fazer ultrapassagens e completei o segundo quilômetro em 6 min 40 seg. Mais adiante aconteceu a separação entre os corredores de cinco e dez quilômetros o que tornou a minha corrida mais confortável pois não necessitava ultrapassar muitas pessoas.

Passei pela marca de 3 KM com um tempo de 20 min 05 seg e uma boa vantagem em relação ao que havia sido planejado. Aproveitei para reduzir um pouco o ritmo  e me poupar para enfrentar as subidas. Após percorrer um trecho no ritmo de trote passei a acelerar novamente.

Cheguei na metade da prova com um tempo de 35 min 30 seg e pouco mais de um minuto de vantagem. Como tinha estabelecido a marca de 7 KM como referência ainda era cedo para fazer contas e projetar o meu tempo final.

Busquei o melhor posicionamento que me permitiria manter um boa velocidade sem a necessidade de fazer muitas ultrapassagens. Passei pelo ponto de referência com o tempo de 50 min 30 seg e uma vantagem de cinquenta segundos.

Enfim, teria condições de bater o meu recorde pessoal. Acelerei as minhas passadas com o intuito de aumentar a minha vantagem. Iniciei o último quilômetro com cerca de um minuto e meio abaixo do planejado e aumentei o meu ritmo.

Quando estava me aproximando da última curva me assustei com uma pessoa que atravessou na minha frente sem olhar. Naquele momento a minha única reação foi gritar saaaaaiiiiii. Ufa, consegui desviar e seguir em frente rumo ao final da prova. Percebi que tinha uma corredora na minha frente e usei como referência para a minha arrancada e cruzar a linha de chegada antes dela.

1ª Corrida do Fogo
1ª Corrida do Fogo

Assim como faço em todas as corridas não me preocupei em ver qual tinha sido o meu tempo final. Apenas travei o meu relógio. Prefiro analisar com calma cada uma das minhas parciais.

Para a minha enorme surpresa encerrei a prova com o tempo de 1 hora, 10 minutos e 46 segundos melhorando em 2 minutos e 57 segundos o meu tempo. Nos meus planos eu esperava baixar em torno de vinte segundos o meu recorde pessoal.

Fiquei muito contente com a minha nova marca pois eu esperava alcançá-la no final do ano. Agora é manter o foco nas próximas provas.