BATEL RUN 2020

Neste domingo tive a oportunidade de participar da sexta edição da BATEL RUN, organizada pela GL PROMO.

Antes da largada encontrei várias pessoas com quem conversei por alguns instantes e troquei energia positiva.

O percurso da prova mudou em relação aos anos anteriores. Conhecendo as características das ruas larguei com tranquilidade e segui em um ritmo confortável.

Não percebi e passei direto pelo ponto em que eram separados os corredores das distâncias de 5 e de 10 km.

Mais adiante ao passar em frente de uma casa vi um carro saindo. Fiz sinal para o motorista esperar. No entanto, ele avançou o carro na minha direção.

Os corredores que vinham logo atrás gritaram com ele. Por sorte ninguém foi atropelado por este motorista irresponsável.

Dali em diante o meu ritmo diminuiu um pouco. O meu plano era acelerar a partir do km 5 e administrar o ritmo de acordo com as características do percurso para completar em cerca de 1 H 15 min.

Quando o meu relógio marcava 4,8 km vi uma pessoa incentivando os corredores: “Vamos lá, está quase chegando!”.

Foi neste momento que percebi que tinha errado o percurso. Faltando duzentos metros para a chegada acelerei as minhas passadas.

Completei os 5 km em 38:11, um ritmo médio de 7:38/km. Fiquei muito chateado com o que aconteceu durante a prova, pois tinha condições de completar a prova no tempo desejado.

O meu próximo desafio vai ser a Meia de Curita no dia nove de fevereiro.