50 ANOS

O dia treze de dezembro de 2017 marcou a minha chegada aos cinquenta anos de idade. Aconteceu tanta coisa neste meio século de vida que é difícil fazer uma retrospectiva. Afinal de contas a minha mãe não está mais aqui para me lembrar como foram os meus primeiros anos de vida.

O dia do meu nascimento também foi uma quarta-feira. Será coincidência? Tenho poucas recordações daquela época mas sei que o meu avô materno faleceu na véspera do meu primeiro aniversário. Talvez seja este o motivo pelo qual não comemoro o meu aniversário com festa.

Ao longo dos meus cinquenta anos conheci várias pessoas que com certeza fizeram parte da minha formação como pessoa e como profissional. Chorei nos momentos de tristeza. Vivi momentos de intensa alegria. Enfrentei desafios, superei alguns e  vibrei com as conquistas. Fique muito feliz ao reencontrar pessoas que não via há anos.

Enfim, se chorei ou se sorri o importante é que emoções eu vivi.

Fica aqui o meu sincero agradecimento a todas as pessoas que fizeram parte da minha vida. Que sempre me apoiaram e vibraram com as minhas conquistas.