Retrospectiva 2017 – 2º Semestre

Julho

No primeiro domingo do mês participei da Etapa Inverno do Circuito das Estações. Logo no início foi possível perceber um chuvisco. Este era um indicativo que teria que tomar muito cuidado ao longo do percurso.

Em nenhum instante me preocupei com o tempo decorrido. Completei a prova em 1 hora, 17 minutos e 19 segundos. O mais importante foi ter terminado bem e conquistado mais uma medalha para a coleção.

Duas semanas depois participei da segunda corrida da Track & Field em Curitiba em 2017, desta vez tendo como local de largada o Shopping Pátio Batel. Escolhi um ritmo confortável e segui em frente sem me preocupar com o tempo. Afinal de contas as características do percurso não eram favoráveis para bater o meu recorde dos 5 km.

Terminei a prova muito bem fisicamente e conquistei mais uma medalha para a minha coleção.

 

Agosto

No início do mês estava atualizando a planilha onde registro várias informações sobre as minhas corridas e vi que no dia cinco de agosto de 2012 participei da minha primeira corrida.

Pois é, há cinco anos eu dava as minhas primeiras passadas no emocionante e fascinante mundo das corridas. Neste período tive a oportunidade de participar de várias corridas, viver emoções, reencontrar pessoas que não via há muitos anos e formar novas amizades.

Comemorei esta data significativa no dia seguinte participando da minha segunda meia maratona. Lembrei de tudo o que aprendi com a minha participação na Meia Maratona Ecológica de Curitiba no mês de maio bem como de algumas dicas de amigos.

Escolhi a estratégia de dividir a prova em três partes de sete quilômetros. Apesar das dificuldades que enfrentei ao longo dos vinte e um quilômetros fiquei satisfeito com o resultado atingido. 

O dia treze de agosto marcou a passagem de quatorze anos do meu site Mundo Canhoto. Ele é dedicado aos canhotos e a todas as pessoas que admiram o canhotismo.

No final do mês participei Corrida de Revezamento dos Bancários e Financiários de Curitiba e Região Metroplitana, promovida pelo Sindicato da categoria. Antes, durante e depois da prova tive a oportunidade de encontrar alguns colegas do BB.

Completei os 5 km em 37:59 e bem fisicamente.

 

Setembro

No dia dezoito completei seis anos longe do sedentarismo. Ao longo deste tempo melhorei a minha qualidade de vida. Entrei para o mundo das corridas de rua onde tive experiências incríveis, enfrentei desafios e formei novas amizades. Comemorei esta data significativa com uma corrida de 5 km no dia anterior.

Aproveitei os primeiros dias das minhas férias para viajar para Minas Gerais. Visitei Belo Horizonte, o Instituto Inhotim e as cidades históricas de São João Del Rey e Tiradentes. Sem dúvida foram dias muito gratificantes em MG.

 

Outubro

No primeiro domingo do mês participei da Etapa Primavera do Circuito das Estações. Fiz uma prova tranquila alternando a caminhada com o trote.

No domingo seguinte corri a prova de 10 km da 2ª Corrida do Fogo. O percurso da prova foi alterado em relação ao da corrida de 2016. Ciente disto sabia que seria complicado melhorar o meu tempo de 1 hora, 10 minutos e 46 segundos.

A chuva exigiu bastante tanto da parte física quanto da emocional. Nas descidas tinha que manter o ritmo pois logo adiante teria que enfrentar mais uma subida.

Aproveitei a minha última semana de férias para realizar a minha avaliação cardiológica na CARDIOCARE Clínica Cardiológica. Os resultados dos exames ficaram dentro da normalidade.

No dia vinte e dois participei da Etapa Curitiba do Circuito Banco de Brasil de Corrida. Como o percurso era o mesmo do Circuito das Estações e não tinha nenhuma preocupação com o tempo encarei a prova como um treino.

Depois que peguei a minha medalha enfrentei a fila para pegar uma camiseta autografada pelos atletas Emanuel Rego, Sheilla Castro e Robert Scheidt. Consegui um autógrafo da Sheilla no meu número de peito.

Enfim foi um ótimo evento em que os colegas do BB tiveram a oportunidade de se encontrarem fora do ambiente de trabalho. Aliás muitos deles levaram os seus filhos para acompanhar na corrida ou na caminhada.

 

Novembro

Finalmente chegou o mês mais aguardado do ano e iniciou a contagem regressiva para o meu desafio de enfrentar a Maratona de Curitiba. Por motivos alheios à minha vontade não completei a prova. Fiquei chateado por não ter superado o meu desafio mas posso dizer que aprendi bastante.

No último domingo do mês participei da Etapa Verão do Circuito das Estações. Por ser esta a minha última corrida do ano segui num ritmo tranquilo e sem forçar.

Para encerrar o mês participei do quinto encontro com o pessoal da faculdade. Tivemos a oportunidade de rever a Simone que esteve no segundo encontro e dar as boas vindas a Claudine.

Conversamos a respeito dos mais diversos assuntos e lembramos do tempo em que estudamos juntos. Em determinado momento do jantar sorteei algumas lembranças da viagem que fiz a Minas Gerais nas minhas férias.

Posso dizer que para mim foi uma satisfação imensa poder reencontrar pessoas que não via há tantos anos. Sem dúvida a viagem no tempo foi inevitável em todos os encontros. Como cada se comportava nas aulas, quem gostava de quem, etc.

 

Dezembro

Chegamos ao último mês do ano.  No primeiro final de semana realizei um treino de dez quilômetros. Ao chegar em casa e atualizar a minha planilha verifiquei que alcancei a marca de 2.800 km percorridos desde que comecei com as caminhadas em setembro de 2011.

Durante muitos anos fui questionado pelos meus colegas do CENOP porque não era candidato nas eleições da ECOA – Equipe de Comunicação e Autodesenvolvimento. Tive a oportunidade de ser eleito para a CIPA de 2014/2015, 2015/2016 e 2017/2018. Aprendi bastante e também compartilhei o meu conhecimento com os colegas.

Depois de refletir bastante resolvi apresentar a minha candidatura. Afinal de contas chegou o momento de contribuir com a ECOA. Fico muito contente quando alguém me procura para pedir orientações sobre a caminhada e a corrida de rua. Quero ajudar os colegas a deixarem de lado o sedentarismo.

O dia treze de dezembro marcou a minha chegada aos cinquenta anos de idade. Durante o dia recebi muitos cumprimentos e mensagens desejando felicidades.

Posso dizer que o ano de 2017 foi positivo para mim. Adquiri novos conhecimentos, exerci novas atividades no trabalho, formei nova amizades, enfrentei desafios, vivi momentos de felicidade e tristeza.

Que venha 2018 com os seus desafios. Que ele seja coroado com paz, amor, saúde, justiça, ética e tantos outros valores.