IV CORRIDA BPTRAN

Neste domingo tive a oportunidade de participar da quarta edição da corrida promovida pelo BPTRAN – BATALHÃO DE POLÍCIA DE TRÂNSITO e pelo PROVOPAR – PROGRAMA DO VOLUNTARIADO PARANAENSE.

Assim que cheguei ao BPTRAN me lembrei da corrida de 2016 que foi realizada em maio daquele ano. A corrida foi muito importante na minha recuperação de uma fratura no ombro esquerdo.

A minha maior dificuldade era evoluir do trote para a corrida pois tinha medo de sofrer uma queda e me machucar. Para complicar ainda mais a situação a prova foi debaixo de chuva.

Mas apesar de todos os problemas enfrentados ao longo do percurso e consegui correr os dez quilômetros.

Fiz uma largada tranquila e segui em um ritmo confortável. Não defini um tempo para finalizar a prova. Conhecendo as características do percurso sabia das dificuldades que teria que enfrentar.

Após relembrar destes momentos fiz o meu aquecimento e iniciei o meu ritual de concentração. As nuvens cinzentas indicavam a possibilidade de chuva durante a corrida.

Um chuvisco começou cerca de dez minutos antes da largada. Mas parou em poucos instantes.

Conhecendo as características do percurso escolhi seguir em um ritmo confortável e poupas as minhas energias para o final.

Foram mais 10 km para a conta e a 132ª medalha para a coleção.