Ayrton Senna para Sempre: 24 anos de saudades

Vinte e quatro anos se passaram desde aquele fatídico acidente na maldita curva Tamburello  no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola na Itália.

A mesma curva onde aconteceram os acidentes de Nelson Piquet em 1987 e de Gerhard Berger em 1989.

Ayrton Senna venceu o Grande Prêmio de San Marino nos anos de 1988, 1989 e 1991 pilotando o carro da McLaren.

É muito triste lembrar de tudo aquilo que aconteceu naquele final de semana. O acidente de Rubens Barrichello na sexta-feira, a morte de Roland Ratzemberger no sábado e a de Ayrton Senna no domingo.

A corrida seguinte foi realizada em Mônaco, onde Senna é o maior vencedor por ter conquistado seis vitórias, sendo cinco consecutivas.

A posição da pole ficou vazia e ali os pilotos fizeram uma homenagem momentos antes da largada.

Desde então perdi  o interesse pelas corridas. Acompanhava as primeiras voltas mas logo desligava a televisão. Também não escolhi nenhum piloto para torcer nos anos seguintes. Atualmente deixo a TV ligada mas não fico 100% concentrado na corrida como nos tempos em que Ayrton Senna nos brindava com as suas vitórias nas manhãs de domingo.

Ao longo do tempo foram criadas as mais diversas teorias para explicar como ocorreu o acidente que tirou a vida do Senna. Mas de que adianta tentar explicar o que aconteceu e apontar os culpados? Nada trará de volta o nosso ídolo que proporcionou muitas alegrias aos seus admiradores espalhados pelo mundo.

Em agosto de 1999 criei um site para homenagear o Senna com os números da sua carreira do kart a F1, as estatísticas, fotos, vídeos, etc. Depois de mudar de local de hospedagem algumas vezes ao longo dos anos hoje ele está hospedado no endereço www.normanbitner.com.br.

Para manter viva a lembrança do meu ídolo comecei a colecionar objetos relacionados a ele. Na  maior parte a minha coleção consiste em miniaturas de carros (escalas 1:64, 1:43 e 1:18), capacetes (escalas 1:8 e 1:2) e estátuas (em diferentes escalas). 

Também tenho camisetas, bonés, revistas, posters, fitas VHS, DVDs e livros.

Alguns itens da coleção foram difíceis de serem adquiridos por terem se tornado uma raridade e muito disputados pelos colecionadores.

Depois de muita pesquisa e paciência consegui comprar as miniaturas que tanto desejava.

Em várias oportunidades fui questionado por algumas pessoas sobre qual é a minha miniatura preferida. Costumo dizer que cada uma tem a sua importância seja pela dificuldade em adquirir ou por representar um momento da carreira do Senna.

Nos anos de 2006, 2009, 2012 e 2015 tive a oportunidade de visitar as exposições realizadas pelo Instituto Ayrton Senna em Curitiba e devo admitir que chorei em todas elas de tanta emoção.

Não tem como esquecer o que aconteceu naquele triste primeiro de maio mas eu prefiro lembrar dos bons momentos que o Senna me proporcionou ao longo da sua carreira.

Nas temporadas seguintes surgiram outros pilotos talentosos que logo foram apontados pela imprensa especializada como sendo o novo Senna. No entanto eles jamais podem ser comparados ao Ayrton Senna, pois cada um correu em uma época diferente com equipamentos específicos.

Foi o ídolo e ficou o mito. Valeu Ayrton!

 

 

Temporadas na F1

Poles na F1

Vitórias na F1